Category: Rali

Decker fora de Pikes Peak

decker
Marthyn Decker. foto: Reprodução Facebook

O paulista Marthyn Decker, inscrito para a edição 2013 da competição de subida de montanha de Pikes Peak, sofreu uma fratura na clavícula e terá que adiar o sonho de ser o primeiro brasileiro a participar da tradicional prova norte-americana. No dia 16 de junho, Decker sofreu uma queda de bicicleta, causando a fratura. Como o tempo de recuperação é de 4 a 6 semanas, sua participação em Pikes Peak ficou para 2014.

Confira a declaração de Marthyn Decker no Facebook:
É galera como dizem por ai “para cair basta estar de pé” infelizmente levei ao pé da letra, no treino de bike ontem um domingueiro fez um retorno sem sinalizar, eu não consegui frear e acabei caindo sobre o ombro! Tombinho besta mas acabei fazendo uma pequena fratura na clavícula, resultado 4 a 6 semanas de gancho! Pikes Peak vai ficar para 2014, paciência!!! To triste pragarai mas não tenho o que fazer, então bola pra frente!!! Aceleraaaa, muito obrigado a todos que sempre estiveram do meu lado neste 5 meses de preparação!!! Vlw!!!

A prova de Pikes Peak terá sua final disputada neste domingo, 30 de junho.

Loeb X Ogier: Duelo na terra, duelo no asfalto

Sebastien Ogier
Sebastien Ogier

Ídolos franceses do rali, Sebastien Loeb e Sebastien Ogier levarão a rivalidade das estradas de terra para as ruas asfaltadas e apertadas de Mônaco. Ambos confirmaram sua participação na etapa da Porsche Supercup nas ruas do principado que fará parte da programação do Grande Prêmio de Mônaco de Fórmula 1.

Nove vezes campeão mundial de rali, Loeb tem em 2013 um ano de transição, disputando apenas algumas etapas do WRC e se dedicando mais as provas em pista, como o FIA GT3 e a Porsche Supercup, onde foi o 11ª colocado na etapa de Barcelona na semana passada. Já Ogier, estrela da Volkswagen no rali e líder da atual temporada do Mundial da modalidade, enfrentará sua primeira competição a bordo de um Porsche e assume a rivalidade com o compatriota.

“É óbvio que vou estar de olho em Sebastien Loeb. A vontade de ser o melhor está sempre presente, mas ele tem muito mais experiência em circuitos. Com esse pensamento, vou tentar aproveitar o fim de semana e, como sempre, fazer o meu melhor”, disse o novo astro do rali mundial.

Para o desafio, Ogier já realizou uma sessão de testes com o Porsche da equipe Project 1 Team em Hockenheim.

Nas três vezes que Loeb disputou o WRC este ano, o veterano venceu duas vezes, em Mônaco e na Argentina, e foi derrotado por Ogier na Suécia.

Pikes Peak: Loeb e o seu foguete!

Peugeot_Loeb_pikes_peak
Foto: Flavien Duhamel/Red Bull Content Pool

Nove vezes campeão mundial de rali, o francês Sebastien Loeb tem em 2013 o seu primeiro ano de aposentadoria. Tempo de relax e muito sossego certo? Errado, a saída do francês foi das competições de rali, e agora sem pressão ele pode desfrutar as vantagens de se tornar um mito do automobilismo. Entre as vantagens está a de pilotar entre as principais competições a motor do mundo, como a tradicional prova de subida de montanha em Pikes Peak, no Colorado/EUA, a bordo de um carro preparado pela Peugeot exclusivamente para a disputa.

Cockpit_peugeot_pikes_Peak
O cockpit do Peugeot 208 de Loeb. Foto: Red Bull

Em 2013 Loeb está disputando algumas etapas do Campeonato Mundial de Rali, o WRC, junto com sua primeira temporada em um campeonato de asfalto, o campeonato da FIA GT3, onde corre por sua própria equipe a bordo de um McLaren MP4-12C em dupla com o português Álvaro Parente, além de participar do desenvolvimento do carro da Citröen para a estréia no Campeonato Mundial de Turismo prevista para 2014.

motor_peugeot_Pikes_Peak
O motor V6 turbo de 3.2 litros que equipa o Peugeot 208 de Loeb. Foto: Flavien Duhamel/Red Bull Content Pool

O carro preparado para Loeb usar em Pikes Peak tem a carroceria do Peugeot 208 T16, mas por dentro pulsa um motor turbo V6 de 3.2 litros – derivado do motor do programa de endurance da marca francesa – e que atinge a potência de 875hp. Com uma incrível relação peso/potência de 1:1 graças aos 875 kgs do conjunto, o bólido acelera de 0 à 100 km/h em 1,8 segundos, marca superior ao de um Fórmula 1, por exemplo. A velocidade máxima esperada é de 240 km/h, lembrando que estamos falando de um carro que estará andando em uma estrada cheia de curvas rumo ao topo de uma montanha e cheio de apêndices aerodinâmicos para melhorar a aderência mas que restringem a velocidade do carro em linha reta!

A prova de Pikes Peak será disputada no dia 30 de junho. Confira abaixo um vídeo do treino de Loeb com seu Peugeot. Esse ronco lembra muito os carros de Fórmula 1 do anos 80 hein?